Buy Ema Expert Advisor in the store selling algo trading systems
Buy CyberExpert Expert Advisor in the store selling algo trading systems
Buy Bilbo Expert Advisor in the store selling algo trading systems

Share
Go down
Diego.E
Diego.E
Number of messages : 44
Points : 1785
Date of Entry : 2015-08-17
Year : 41

ma1 Suportes e Resistências

on Mon Oct 03, 2016 9:07 pm
Os conceitos de suporte e de resistência devem estar bem assimilados, porquanto são fundamentais para compreender e transaccionar com competência em bolsa. Este método de análise é um modelo válido, na medida em que foi comprovado estatisticamente por investigadores da Universidade de Lovaina em 1993.

Os suportes e resistências têm o mesmo conceito que as linhas de tendência e consistem num nível em que as forças da procura e da oferta tendem a equilibrar-se. O suporte significa o movimento de compra, actual ou potencial, em que o volume consegue suster a descida da cotação por um período de tempo significativo.

A resistência significa o oposto, ou seja, o movimento de venda, actual ou potencial, em que o volume consegue suster a subida da cotação por um período de tempo significativo. No decorrer da evolução temporal da cotação podem repetir-se idênticos níveis de cotação, neste caso está-se perante zonas de suporte ou resistência.

As cotações seguem uma determinada tendência, representada através de uma “linha” aos “ziguezagues” numa determinada direcção. O nível de resistência é construído através de uma linha recta na horizontal que une o(s) máximo(s) da cotação, sendo o nível de suporte o oposto, isto é, uma linha recta na horizontal que une o(s) mínimo(s) da cotação.

Ao analisar a evolução temporal de uma cotação num gráfico é possível obter níveis de resistência e níveis de suporte, em que a sua importância varia de acordo com: 
(1) a sua permanência ao longo do tempo, 
(2) do seu volume de transacção para esse nível e 
(3) da amplitude de variação da cotação entre o nível de resistência e o nível de suporte. Os suportes e as resistências funcionam como uma barreira “temporária” na oscilação da cotação das divisas.

Assim, quando uma linha de suporte ou resistência é quebrada de uma forma significativa (com um volume elevado de transacções) essa linha inverte o papel, isto é, o nível de suportes torna-se num nível de resistência e vice versa.

De acordo com a tendência, os suportes e as resistências podem ser de alta ou de baixa. Pelo exposto, conclui-se que os suportes e as resistências constituem níveis psicológicos para os investidores, que são assumidos em termos de:
• topos e fundos do gráfico;
• números redondos;
• retracções de Fibonacci (38,2%, 50%, 61,8%) do movimento anterior.

Em síntese, ao negociar com este pressuposto o investidor deve ter em consideração os seguintes elementos para determinar a importância de um nível de resistência ou de suporte: repetição, volume, amplitude da variação e escala temporal. As zonas de suporte e de resistência revelam uma eficiência significativa por serem comprovadas estatisticamente e por serem utilizadas pela generalidade dos investidores racionais.
Gráfico do par cambial EUR/USD com a indicação de níveis de resistência e de suporte.:

[You must be registered and logged in to see this image.]
Back to top
Permissions in this forum:
You cannot reply to topics in this forum